Polícia troca delegado do caso Marielle

O delegado Daniel Rosa assumirá a Divisão de Homicídios do Rio de Janeiro, departamento à frente das investigações do assassinato da vereadora Marielle Franco (Psol-RJ) e de seu motorista, Anderson Gomes.

Antigo titular das investigações, o delegado Giniton Lages, fará 1 intercâmbio na Itália, segundo o governador do Estado, Wilson Witzel (PSC).

Foi sob o comando de Giniton que foram presos Ronnie Lessa e Élcio Vieira de Queiroz, acusados, respectivamente, de efetuar os disparos e de dirigir o carro do ataque a Marielle e Anderson, revela o MSN.

Daniel Rosa comandava a Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense desde a Intervenção Federal no Rio, em 2018.

Lessa e Queiroz permanecem presos no Complexo de Bangu, na zona oeste do Rio. Aguardam transferência para 1 presídio federal.

20/03/2019